Curso de Graduação em Antropologia
  • MATRÍCULAS PARA 2018-1

    Publicado em 30/11/2017 às 11:08

    Informamos que a matrícula para o semestre 2018-1 estará disponível para ser realizada na página http://cagr.sistemas.ufsc.br/, entre os dias 05 a 11 de dezembro de 2017.

    Ressaltamos a importância da realização da matrícula neste período, pois as disciplinas obrigatórias e optativas do curso estarão reservadas para os alunos de Antropologia apenas nesta primeira etapa da matrícula. A partir do ajuste de matrícula online (fevereiro), as vagas remanescentes estarão disponíveis também para alunos de outros cursos. 

    Ambas as etapas só podem ser realizadas online, pelo próprio estudante. Aconselhamos que entrem no sistema com antecedência, verifiquem se login e senha estão funcionando corretamente e antecipem suas dúvidas com relação ao processo de matrícula já que o fim de dezembro e o mês de janeiro apresentam-se como um período de férias e recessos.

    A grade horária de 2018/1 pode ser acessada pelo link:

    Horários 2018-1 Antropologia

    As ementas das disciplinas optativas oferecidas pelo Departamento de Antropologia aos Cursos de Antropologia, Ciências Sociais e Museologia podem ser encontradas no link:

    Ementas disciplinas optativas 2018 1

    Lembramos que a matrícula na disciplina ANT 7207– TCC I Prática de Pesquisa é feita apenas via coordenadoria, no período de ajuste excepcional (que geralmente coincide com a primeira semana do semestre letivo), mediante preenchimento de formulário e e entrega no fim do semestre anterior do projeto e parecer do orientador de TCC, conforme artigo 8, do capítulo II do Regulamento Interno do TCC.

    Alunos em intercâmbio devem solicitar à coordenadoria matrícula nas disciplinas Programa de Intercâmbio I, Programa de Intercâmbio II e Programa de Intercâmbio III (disciplinas bloqueadas).

     

    Coordenadoria do Curso de Graduação em Antropologia


  • Banca avaliadora de TCC de Luis Marcelo Balvoa: “Aspectos do alpinismo contemporâneo no Monte Aconcágua: in-versões e transgressões”

    Publicado em 29/11/2017 às 13:07

    No dia primeiro de dezembro de 2017, (sexta- feira), Luis Marcelo Balvoa, aluno do Curso de Graduação em Antropologia, defenderá seu Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) intitulado “Aspectos do alpinismo contemporâneo no Monte Aconcágua:  in-versões e transgressões” para avaliação em banca composta por Drª. Sônia Weidner Maluf (Presidente da Banca – DepAnt/UFSC), Drª Ilka Boaventura Leite  (DepAnt/UFSC) e Drª Alejandra Beatriz Matarrese Deturche (Universidad Nacional de La Plata/FCNYM-UNLP e PPGHISTORIA/UFSC).

    A apresentação acontecerá às 13h30min na sala 303 do Espaço Físico Integrado- EFI/UFSC).

    Coordenadoria do Curso de Graduação em Antropologia


  • Resultado – edital de transferências e retornos 2018/1

    Publicado em 28/11/2017 às 15:58

    Foi publicado o EDITAL Nº 037/GD/DAE/PROGRAD/2017  de  27 de novembro de 2017 com o resultado das transferências e retornos para o primeiro semestre de 2018, que pode ser acessado em:

    Edital 37 Resultado Transf Retornos 2018-1

    Comunicamos aos selecionados  que a matrícula para o semestre de 2018/1  poderá ser realizada normalmente, no período de 05 a 11 de dezembro de 2017, da seguinte maneira:

     

    1. Acesse a página http://cagr.sistemas.ufsc.br/;
    2. Clique no link superior “aluno”;
    3. Digite a matrícula (número que aparece junto ao nome no edital de resultado)
    4. Clique em “esqueci minha senha”. (uma mensagem será enviada ao e-mail informado no momento da inscrição)
    5. Siga as orientações referentes à senha;
    6. Proceda à matrícula normalmente.

    A maioria dos selecionados deverá se matricular nas disciplinas da primeira fase do curso. Para saber os horários das disciplinas que serão oferecidas pelo curso de Antropologia em 2018/1, acesse:

    Horários 2018-1 Antropologia

    Caso haja algum problema e você não consiga efetuar sua matrícula, fique tranquilo que ainda existem dois períodos em que poderemos efetuar ou ajustar sua matrícula, são eles:

    Ajuste de matrícula on line que será em fevereiro de 2018, onde o próprio aluno solicita seu ajuste on line

    Ajustes Excepcionais a Critério da Coordenação – que ocorrerá em março* de 2018, na primeira semana de aula  onde as solicitações são feitas presencialmente na coordenadoria do curso.

     

    Sejam bem vindos!

    Coordenadoria do Curso de Graduação em Antropologia


  • Lançamento do documentário Ver Peixe

    Publicado em 03/11/2017 às 17:15

    Coordenadoria do Curso de Graduação em Antropologia


  • Performando Epidemias com Jean Segata

    Publicado em 23/10/2017 às 16:59

    Coordenadoria do Curso de Graduação em Antropologia

     


  • Serviço de Psicologia Educacional – “Projeto Longe de casa: e agora?”

    Publicado em 23/10/2017 às 16:58

     

    Coordenadoria do Curso de Graduação em Antropologia

     


  • Colóquio Etnologia Indígena no Brasil Meridional

    Publicado em 16/10/2017 às 17:23

    Programação:

    Primeiro dia

    Mesa 01 – Histórias e Territorialidades Indígenas – 9h

    As histórias dos indígenas do sul do Brasil, da mesma forma que da grande maioria dos coletivos indígenas de toda a América, são marcadas por períodos  de dizimação populacional e  enormes perdas territoriais decorrentes de conflitos extremamente violentos relacionados às conquistas do Estado e ao contato com a sociedade nacional. Nesta mesa, propõe-se que os expositores e debatedora reflitam sobre eventos históricos – anteriores e posteriores ao contato com os “brancos”- particulares aos grupos indígenas Kaingang, Xokleng, Xetá e Guarani, relacionando-os às lutas territoriais e resistências indígenas passadas e contemporâneas. Propõe-se também que sejam trazidas questões comparativas com outros contextos indígenas, para além da região etnográfica do Brasil meridional.

    Paulo Roberto Homem de Góes (PPGA/UFPR)

    Rafael Pacheco (PPGA/UFPR)

    Debatedora:

    Marta Amoroso (CEsta/ USP)

    Mesa 02 – Xamanismos e Converões – 14h

    As relações indígenas no Brasil Meridional com projetos missionários e de conversão religiosa, desde os momentos iniciais do contato até os dias atuais, produziram múltiplos efeitos nas formas de gestão da vida coletiva e na organização social entre os indígenas. A expectativa do debate para esta mesa é trazer para a reflexão descrições a respeito dos modos como os coletivos agenciam sentidos, traduções, práticas e transformações oriundas das aproximações indígenas e das críticas xamânicas diante destas experiências religiosas.

    Adriana Belino (PPGAS/UFSC) – pesquisadora kaingang

    Izaque João (PPGH/UFGD) – pesquisador kaiowá

    Debatedor: Oscar Calavia Saéz (PPGAS/UFSC)

    18: 00 Exibição do filme Monocultura da Fé. Realização Joana Moncau, Gabriela Moncau, Izaque João e Spensy Pimentel

     

    Segundo dia

    Mesa 03 – Relações de Gênero e Formas Expressivas – 9h

    Nos últimos anos a etnologia indígena tem produzido diversas críticas sobre dicotomias como “natureza e cultura” e suas implicações para questões que correlacionam o domínio público às relações entre homens e o domínio doméstico às relações entre mulheres. Esta mesa se propõe a contribuir para a ampliação das abordagens e reflexões das relações de gênero para além destas cristalizações. Formas expressivas da linguagem, assim como a ação política de mulheres indígenas são elementos de crítica etnográfica a estes divisores.

    Joziléia D.. Jagso Jacodsen (LII/UFSC) – pesquisadora kaingang

    Marcos Moreira (PPGE/UDESC) – pesquisador mbyá

    Debatedora:

    Juliana Salles Machado (PPGH/UFSC)

    Mesa 04 – Políticas Indígenas – 14h

    Esta mesa será um espaço onde pesquisadores indígenas irão fazer política por meio de suas falas. Propõe-se que, a partir de suas trajetórias no Brasil Meridional, sejam debatidos temas como construções e desconstruções de pessoas e coletivos, lutas territoriais, conflitos ambientais, políticas públicas e atuações nos movimentos indígenas.

    Ana Patte (PPGAS/UFSC) – pesquisadora laklãnõ

    Davi Timóteo (PPGAS/UFSC) – pesquisador mbyá

    Debatedor:

    José Kelly (PPGAS/UFSC)

    Comentários de Encerramento: Antonella Tassinari (PPGAS/UFSC)

    Apoio

    PPGAS/UFSC

    INCT Brasil Plural

     

     

    Coordenadoria do Curso de Graduação em Antropologia

     


  • Os Indígenas e o Nascimento do Brasil: “pacificação”, regime tutelar e formação de alteridades.

    Publicado em 19/09/2017 às 16:10

     

    Palestra com João Pacheco de Oliveira (MN/UFRJ).

     

    Lançamento do livro “O Nascimento do Brasil e Outros Ensaios”.

     

    Comentadores:

    Ana Lúcia Vulfe Nötzold (PPGH/UFSC)

    Oscar Calávia Saez (PPGAS/UFSC)

     

    Debatedores:

    Joziléia Kaingang (Doutorado/Memória Social e Patrimônio Cultural/UFPel)

    Davi Timóteo Martins (Guarani – Mestrado/Antropologia/UFSC)

    Joseane de Lima Tschucambang (Laklãnõ-Xokleng – Licenciatura Indígena/UFSC)

     

     

    Promoção: Núcleo de Estudos de Povos Indígenas (NEPI)/PPGAS/UFSC

    Licenciatura Intercultural Indígena do Sul da Mata Atlântica

     

    Coordenadoria do Curso de Graduação em Antropologia


  • Ética, Ciência e Direitos: por uma sociedade civil soberana

    Publicado em 19/09/2017 às 15:34

    Seminário “Ética, Ciência e Direitos: por uma sociedade civil soberana”, com início dia 20/09 às 16 horas no Miniauditório do CFH. Haverá homenagem e lançamento do novo livro do Prof. Roque de Barros Laraia, com participação do Prof. Roque, Alfredo Wagner de Almeida e da Profa. Miriam Grossi.

     

    A programação segue no Auditório do CFH, com mesa de debates às 18h30min sobre “Antropologia e direitos constitucionais”, com o Prof. Alfredo Wagner, Dr. João Mitia Barbosa, e as lideranças indígena e quilombola, Antonio Marcos Apurinã e Adriana Silva, respectivamente.

     

    A próxima rodada do seminário será na quarta-feira da próxima semana, dia 27, com programação no Auditório da Reitoria, que se inicia às 13h15min com “Rito de Invocação, Iluminação e Luta” na Praça da Reitoria, realizado por membros das comunidades convidadas.

     

    A programação seguirá com duas mesas: uma às 14h30min sobre “Autonomia científica e direitos territoriais” e outra às 18h30min sobre “Direitos constitucionais e ética”, com a presença de convidados das áreas de antropologia, direito, Ministério Público, legislativo, ONGs, jornalismo investigativo, lideranças indígenas e quilombolas.

     

     

    Coordenadoria do Curso de Graduação em Antropologia.

     


  • Expediente dias 07 e 08 de setembro

    Publicado em 01/09/2017 às 15:56

    Considerando o disposto na Portaria nº 369/2016/MPOG quanto ao feriado do dia 7 de setembro, Dia da Independência do Brasil, bem como no Calendário Acadêmico do ano de 2017 da UFSC, que define o dia 8 de setembro como dia não letivo, informamos que não haverá expediente na UFSC nesse dia, à exceção daqueles setores em que houver a prestação de serviços essenciais à comunidade.

    Coordenadoria do Curso de Graduação em Antropologia